Série Cidades Maravilhosas - Manaus



A Capital do Estado do Amazonas, o maior do Brasil, é o principal centro financeiro, corporativo e econômico da Região Norte do País. Além de histórica, Manaus apresenta alta importância portuária pois está situada na confluência dos Rios Negro e Solimões, principais rios da Região Norte. É uma das cidades brasileiras mais conhecidas mundialmente pelo seu potencial turístico, principalmente o ecoturismo. A cidade está no centro da maior floresta tropical do mundo.

Pôster de Manaus

Originalmente fundada em 1669 com o forte de São José do Rio Negro, foi elevada a vila em 1832 com o nome de Manaos, em homenagem à nação indígena dos manaos, sendo legalmente transformada em cidade no dia 24 de outubro de 1848 com o nome de Cidade da Barra do Rio Negro. Somente em 4 de setembro de 1856 voltou a ter seu nome atual. Ficou conhecida no começo do século XX, na época áurea da borracha. Nessa época foi batizada como "Coração da Amazônia" e "Cidade da Floresta". Atualmente seu principal motor econômico é o Polo Industrial de Manaus.
Arena da Amazônia

Manaus, durante a Copa do Mundo 2014, receberá 4 jogos da fase inicial da competição. Para acomodar esses jogos o estádio do Vivaldo Lima (Vivaldão) foi substituído pela Arena da Amazônia com capacidade para 44.310 torcedores. As obras seguem em 5 frentes de trabalho mas alguns se preocupam com o prazo de entrega.

Enquanto o estádio não fica pronto, Manaus volta suas atenções para o aeroporto. A cidade desistiu dos projetos de mobilidade urbana planejados para a competição, no entanto, tanto as obras do Aeroporto quanto do estádio já passam dos 55% de conclusão.

Atrações Turísticas de Manaus

Mercado Municipal


Belo edifício no estilo "art nouveau", o Mercado Municipal Adolpho Lisboa foi inaugurado em 1882, em pleno ciclo da borracha na região Amazônica. Construído de frente para o Rio Negro, é tido como uma réplica do extinto mercado francês Les Halles, de Paris. No Mercado, que atualmente passa por reformas, pode-se encontrar grande variedade de produtos regionais.

Encontro das águas


O Encontro das Águas é um fenômeno que acontece na confluência entre o rio Negro, de água negra, e o rio Solimões, de água barrenta, onde as águas dos dois rios correm lado a lado sem se misturar por uma extensão de mais de 6 km. É uma das principais atrações turisticas da cidade de Manaus. Esse fenômeno acontece em decorrência da diferença entre a temperatura e densidade das águas e, ainda, à velocidade de suas correntezas: o Rio Negro corre cerca de 2 km/h a uma temperatura de 28°C, enquanto que o Rio Solimões corre de 4 a 6 km/h a uma temperatura de 22°C. O passeio sempre é realizado no Parque Ecológico do Janauari, onde também se pode observar e tirar fotos das plantas aquáticas Vitórias-Régias. O final do passeio é em um restaurante flutuante, com a comida típica amazonense. Está em construção uma plataforma de observação do encontro projetada por Oscar Niemeyer.


Teatro Amazonas

Teatro Amazonas é um teatro brasileiro localizado na praça São Sebastião, inaugurado em 1896, é a expressão mais significativa da riqueza da região durante o Ciclo da Borracha. A orquestra Amazonas Filarmônica regularmente ensaia e se apresenta em seu interior.

Quer ficar por dentro de tudo sobre o processo de seleção para voluntários da Copa do Mundo? Curta nossa página no facebook e veja todas as novidades.

Postar um comentário

My Instagram

©2019 Mundo Voluntário. Todos os direitos reservados. Tema: OddThemes