Diz aí, Voluntário - Tereza Cristina - Youth Program


Meu nome é Tereza Cristina Tavares, estou comemorando 50 anos, sou professora recém formada em Educação Física. Estou realizando o sonho de ser voluntaria FIFA na área  de Youth Program, na Arena Castelão em Fortaleza-CE.
Ao saber da abertura das inscrições para o programa de voluntários da FIFA, dei inicio a realização de um sonho. Esta região do país não recebe muitos eventos internacionais deste porte, que solicite a atuação de voluntários. Mesmo no ato de inscrição eu pensava, “Vamos ver até onde isso vai!!”  

Fiquei muito contente quando  recebi email comunicando minha aprovação para a segunda etapa do  processo de seleção. Agendei minha entrevista logo para o dia 01 de fevereiro. Após a entrevista, eu participei de alguns grupos, nas redes sociais para obter mais informações sobre o universo voluntário, como também para acalmar a ansiedade que era tamanha, pois ainda não tinha a confirmação que seria escalada para a seleção de voluntários de Fortaleza.
Finalmente em maio, recebi o “anuncio da convocação” com a indicação da minha área de atuação. Apesar de ter sido a minha terceira opção, o Youth Programm, foi um presente, uma grata surpresa.  Porém, somente a poucos dias da data de abertura do evento é que estava agendado o treinamento específico e somente um dia antes, 14 de junho, os voluntários conheceram os espaços de atuação desta área.

O Youth Program é uma área de atuação  ligada à coordenação de Marketing, pois as crianças e jovens são escolhidas através de projetos sociais dos parceiros comerciais da FIFA. Pesquisando, descobri que são  projetos sociais e educacionais com crianças carentes da periferia das cidades sedes onde acontecem as partidas de futebol. Os voluntários desta área atuam junto a coordenação, nos ensaios, apresentação e na condução destas crianças e jovens para a cerimônia de abertura dos jogos da FIFA. No dia do jogo, estas crianças chegam ao estádio com cinco (5) horas de antecedência e realizam os ensaios. São os gandulas, os carregadores das bandeiras  e as crianças menores que entram de mãos dadas com os atletas de cada time de futebol.  
Durante o dia que não tinha jogo, os voluntários Youth Programm poderiam auxiliar outros voluntários do marketing como mídia e proteção as marcas. E o que mais  gostei neste setor foi conhecer um pouco mais sobre atividades desenvolvidas por profissionais de outras áreas diferentes da minha formação.

Minha área de atuação é relativamente tranqüila. O MATCH DAY como é denominado o dia da partida, fica mais atarefado porque é no dia do jogo que as crianças chegam pela primeira vez  na arena e realizam o ensaio da cerimônia de abertura. A cada jogo são jovens e crianças diferentes e estas também possuem chaperones e recreadores o que auxilia bastante  na atividade dos voluntários como o deslocamento para ensaios e a hora do lanche. Após o ensaio e o lanche, os jovens gandulas e carregadores das bandeiras até tentam relaxar no espaço Youth Programm, com jogos eletrônicos e brincadeiras. As crianças menores ficam muito ansiosas em saber com qual jogador vão entrar no campo. As meninas querem logo arrumar cabelo e usar batom. Estes eram momentos que eu particularmente gostava mais, pois acontecia uma maior interação com as crianças. Eu arrumava cabelo, conferia uniformes e conversava muito com as crianças. Neste período de tempo acontecia também pequenas cerimônias de certificação pela participação das crianças, e os voluntários eram convidados a  entregar os certificados e posar para fotos. Nosso time também conta com a participação dos voluntários Anderson, Arthur, Juliana e Vitória na orientação de sessenta (60) crianças e jovens a cada jogo.

Quanto a problemas encontrados, foram todos contornados, porém são problemas com portas que estavam trancadas, crianças demorando no banheiro, nada que não estivesse dentro do padrão de um publico de crianças e jovens adolescentes. Porém  algo que dificultou um pouco minha atuação foi o fato de não dominar o idioma inglês, porque toda a condução do evento de ensaio e da cerimônia de abertura é realizado e coordenado por profissionais ligados diretamente a FIFA que falam alemão e dominam o inglês.


O meu contato com os outros voluntários, foi um caso de amor a parte, eu já conhecia alguns voluntários pelas redes sociais e quando eu os encontrava pessoalmente era uma festa.  Como a ativação da minha área de atuação ocorria só nos dias de jogos, eu ficava alguma parte do tempo auxiliando à coordenação da Gerência de Voluntários. No inicio eu estava ajudando a entregar os uniformes, depois ajudei chapelaria do CV- Centro de Voluntários com aquelas mochilas todas iguais!  Muitas pessoas de outras cidades, de outros estados e até outros países. Muita gente comprometida com o trabalho voluntário, porém muita gente que só queria tirar foto com o Neymar.
A princípio eu não sabia como contribuir para um evento de tão grande porte, depois descobri que meu trabalho é fundamental para a realização deste evento.
Hoje considero que além do meu trabalho, EU sou parte deste evento. Hoje eu levo uma pequena experiência e a imensa vontade de atuar como voluntário, na Copa do Mundo de 2014 a ser realizada no meu país!
Desta atuação, também levo o compromisso melhorar o inglês(e o alemão) e de progredir na minha área de formação profissional na atuação com crianças e jovens.
Um grande abraço a todos e até 2014!!


Por Tereza Cristina Tavares
Colaboradora em Fortaleza do Blog Mundo Voluntário

6 comentários :

  1. Parabéns Tereza, que trabalho bom.
    Rosa Simão

    ResponderExcluir
  2. Gabriela Barreto8 de julho de 2013 17:41

    Também participei como voluntária do ticketing e amei a experiência, só tenho coisas boas a dizer, os problemas que ocorreram só me deram gás pra desempenhar meu trabalho e ter um resultado positivo. Que venha a Copa do Mundo 2014. Beijos Gabriela

    ResponderExcluir
  3. José Junior, Parabéns Tereza.. Como falei no comentário do Face, vc é nota 10... e foi muito gratificante conhece-la.. Estaremos juntos na Copa 2014. Bjs

    ResponderExcluir
  4. Tereza Cristina Tavarers12 de julho de 2013 19:48

    Rosa Simão, obrigada! Foi um trabalho gratificante!

    Gabriela Barreto, isto mesmo, que venha 2014!! Bjsss

    É mesmo José Junior, foi um prazer. A gente se vê no CV.!! (rimou!! kk)

    Agradeço aos comentarios!!!
    Tereza Cristina-YP-Fort-CE

    ResponderExcluir
  5. Bom dia,
    Gostaria de saber se o voluntário de Ticketing trabalha dentro ou fora do estádio?

    ResponderExcluir
  6. Olá Teresa, adorei ler seu blog, pois eu tb irei atuar como líder do youth program na copa de 2014 na arena são paulo.
    Gostaria muito de poder conversar mais com vc sobre sua experiência ! Adorei te achar aqui !
    Silvia

    ResponderExcluir

My Instagram

©2019 Mundo Voluntário. Todos os direitos reservados. Tema: OddThemes